Nestes dois vídeos são apresentados os trabalhos desenvolvidos nas diferentes tarefas (1, 2, 3 e 4) na disciplina de Educação Visual pelas turmas do 7.º A e 7.º B , 8.º A, 8.º B e 8.º C. Os trabalhos exploram os Elementos Visuais da Linguagem Plástica, no 7.º ano integrados nos conteúdos "Colagem Plástica", "A Ilustração" e "Sólidos Geométricos" e no 8.º ano, nos conteúdos "Elementos Visuais da Linguagem Plástica" e "Comunicação Visual", incidindo na criação de um logótipo, um cartaz alusivo às "Festas da Vindimas no Estreito" e criação de uma prancha de banda desenhada.
Clique para aceder ao vídeo 1 e ao vídeo 2.
O professor Luís Pereira

 

Trabalho realizado no âmbito do clube Educamedia, intitulado "Incompreensões Parentais ". Os alunos Jéssica Gonçalves, Adriano Freitas, Francisco Figueira e Ana Maria, estão de parabéns.

Clique aqui para visualizar o vídeo.

Orientação

Prof: Lídia Henriques

 

 

Apresentamos um conjunto da trabalhos dos nossos alunos das turmas 7.º A e 7.º B, feitos à distância e de forma "virtual", com a professora Teresa Maria Reis da Costa, no âmbito da abordagem do texto poético na disciplina de português, os alunos realizaram os seus poemas visuais.

Clique aqui para aceder aos poemas.

 

Considerando que todas as nossas rotinas estão hoje postas em causa devido à situação preocupante relacionada com o COVID-19, a Associação Bandeira Azul da Europa propôs outras possíveis abordagens para a concretização do projeto da horta.

Apesar da calamidade que todos vivemos, há que encontrar alternativas com sensatez e sentido de responsabilidade, mas também criatividade, capacidade de adaptação e resiliência.

Assim, a nossa escola, participou no projeto que consistia na elaboração de uma sementeira.

Aqui, divulgamos algumas fotos do projeto.

A Professora

Mónica Semanas

A Tetra Pak e a COMPAL, em parceria com o Programa Eco-Escolas da Associação Bandeira Azul da Europa, lançou um concurso que visa reforçar a mensagem da importância da deposição seletiva das embalagens de cartão da Tetra Pak e da Compal no ecoponto amarelo. Após o sucesso da primeira edição, a iniciativa volta a desafiar os alunos das Eco - Escolas a criarem um coração a partir de embalagens de cartão da Tetra Pak para a marca Compal, tendo como mote o “Dia da Mãe”.

O passatempo “Sim, no Dia da Mãe o Coração é Amarelo” tem como propósito promover a reutilização de recursos e alertar para a importância da reciclagem e da separação dos materiais depositados no ecoponto. A Escola Básica dos 2.º e 3.º ciclos do Estreito de Câmara de Lobos aceitou o desafio e participou neste projeto.

A Professora

Mónica Semanas

 

Respondendo ao repto lançado pela Secretaria Regional de Educação, Ciência e Tecnologia às escolas, associamo-nos de imediato à construção de material para ser utilizado pelos profissionais de saúde do SESARAM, neste caso máscaras de proteção.

A primeira já foi construída pelas "mãos" dos nossos colegas, Arthur Dias e Tânia Dias. Nestes dois pequenos vídeos ficam a conhecer um pouco do processo de construção na impressora 3D do projeto CAPER e que foi entregue à nossa Escola.

Aqui poderá visualizar o processo de construção das máscaras de proteção em impressoras 3D:

Vídeo 1 - Construção na impressora 3D pela nossa escola.

Vídeo 2 - Construção na impressora 3D - Projeto CAPER  

Este ano, o departamento de línguas, dinamizou uma semana inteira de atividades. Assim, de 2 a 6 de março de 2020, a semana foi dedicada aos alunos da nossa escola, proporcionando-lhes atividades várias.

A semana iniciou-se com o dia de segunda-feira dedicado à educação especial. No turno da manhã, foi realizada uma sessão com a Dr.ª Maria José Camacho que abordou “A História da Educação Especial na RAM”. Já no turno da tarde, realizaram-se atividades didáticas dinamizadas pela Divisão de Acessibilidade e Ajudas Técnicas – “Leitura fácil” (turma do 5ºE – aluno com autismo). A terça-feira foi dedicada ao português e ao inglês do segundo ciclo. Desta forma, foi realizado um concurso de spelling, quiz e mímica, um no turno da manhã e outro no turno da tarde. O concurso era composto por três componentes: soletração (cinco palavras para soletrar em português e cinco, em inglês; jogo de perguntas (dez questões por disciplina sobre língua e cultura) e mímica (cinco palavras para mimar em português e outras cinco, em inglês). Na quarta-feira, foi projetada música francesa nos intervalos, a cargo do conselho de disciplina de francês, contando com a colaboração da rádio escola. Neste dia, também realizou-se um lanche partilhado aberto a todos os professores da escola. Foi um momento de descontração, de convívio, de conversa e de interação muito agradável. Já a quinta-feira foi dedicada ao conselho de disciplina de inglês do terceiro ciclo. Foram realizadas sessões de cinema ao longo de todo o dia para as turmas do terceiro ciclo. Chegamos à sexta-feira. Dia dedicado ao português do terceiro ciclo. Este dia foi muito enriquecedor e dinâmico. Desta forma, no turno da manhã tivemos a presença da diretora regional dos museus e dos centros culturais da Madeira, professora Graça Alves, que abordou a importância da leitura e da escrita e procedeu à apresentação de algumas das suas obras. No turno da tarde, foi realizada a atividade “Ler, mostrar e contar” que contou com a presença da vice-presidente Cristina Freitas; das formadoras da ação de formação “Diferenciação pedagógica: um desafio a abraçar”, professoras Helena Camacho e Érika Barros; dois encarregados de educação da turma do oitavo B, Sr. Aurélio Pita (pai do aluno Henrique Pita) e Srª. Rita Ornelas (mãe da aluna Constança Baptista).

O departamento de línguas agradece aos docentes que se disponibilizaram para acompanhar as turmas às atividades, ao conselho executivo pela disponibilidade e atenção, aos vários convidados, ao professor Chico Freitas por ter animado o lanche e a todos os alunos. Um agradecimento especial aos alunos que se voluntariaram para participar nas atividades dinamizadas no “Dia do português”: Matilde Serrão, Margarida Sá (turma do nono B), Carlos Olim, Emanuel Ferraz (turma do oitavo B), Andreia Dinis e Andreia Campos (turma do oitavo D).

A Coordenadora do Departamento,

Graça Reis da Costa

 

 

As turmas do 5.º B, 6.º D e 7.º C, realizaram uma visita de estudo à carrinha Creactivity, em Câmara de Lobos. Esta carrinha está integrada no projeto itinerante do BPI e da Fundação “La Caixa”. Esta atividade realizou-se no dia 5 de março com a turma 7.º C e no dia 6 de março com as turmas 5.º B e 6.º D.

O “Creactivity” é um espaço concebido para despertar o engenho, a destreza e a criatividade das crianças. Este projeto itinerante tem como objetivo fomentar a conceção e o desenvolvimento de soluções originais para problemas simples. Os alunos participaram em workshops com materiais do dia-a-dia e com ferramentas de baixa e alta tecnologia para dar vida às suas próprias ideias.

O espaço tem várias áreas para implementar diferentes competências: a área da Mecânica, com espaços para engrenagens, mecanismos, berlindes e máquinas de pinball; a área Eólica, com tubos de vento; a área da Eletricidade; e a área da Luz, com o sistema de "stop motion".

Foi uma experiência muito divertida onde aprendemos muito de forma lúdica.

 Os docentes envolvidos:

Cláudia Miguel, Catarina Faria, Marlene Neves, Gil Pereira e Filipe Neto

 

Parceiros Institucionais